A Casa de Semiliberdade de Lages tem desenvolvido sua proposta sociopedagógica neste período de pandemia através da abordagem das entidades parceiras, na modalidade online (CIEE, Igreja, ONG ACASEF) e também com projetos internos idealizados por seu quadro funcional, além das atividades livres realizadas.

 

Projeto Fortalecendo as Relações Familiares

Tem como objetivo o fortalecimento dos vínculos familiares, tanto da instituição Casa de Semiliberdade de Lages com os adolescentes e seus familiares, quanto o próprio vínculo, muitas vezes já fragilizados, entre familiares e adolescentes, tendo em vista o atual contexto da Pandemia, onde as relações interpessoais sofreram “impacto direto”.

CSL Lages 14A execução do projeto consiste na construção de cartas, atividade realizada entre a equipe técnica e os adolescentes, compreendendo as relações familiares estabelecidas, bem como trabalhando as devidas demandas levantadas, tanto no âmbito social quanto emocional. As cartas construídas pelos reeducandos são fotografadas e enviadas através do WhatsApp e enviadas aos pais, companheiras, filhos ou responsáveis. Em um segundo momento as famílias respondem estas correspondências através do WhatsApp a equipe técnica, em atendimento individual, trabalha as respostas com cada reeducando. De forma que a ação ocorre todas as quintas-feiras: uma semana os reeducandos escrevem as cartas e na semana seguinte as famílias respondem.   

 

Projeto (Re)Conhecendo e Repensando o nosso Planeta e Compostagem

O Projeto tem como objetivo (Re)Conhecer o Planeta Terra e identificar suas inter-relações e Conexões com a vida e é desenvolvido em parceria com a UDESC de Lages, juntamente com o apoio dos Agentes Socioeducativos da Unidade formados em Agronomia e Biologia e, ainda, com o Setor de Serviço Social.

É desenvolvido através de palestras pedagógicas e informativas com assuntos polêmicos e atuais a respeito da ecologia e auto-sustentabilidade. Além disso, desenvolve atividades práticas, como compostagem, reciclagem, plantio, uso adequado de agrotóxicos entre outros.

As palestras ocorrem uma vez por mês e as atividades práticas semanalmente. Esta é uma atividade realizada de acordo com o interesse do reeducando, interesse esse que é estimulado através dos atendimentos técnicos e da inclusão da avaliação destas atividades no Projeto Individual do Adolescente – PIA.

CSL Lages 9

     

Projeto Foco, Ritmo, Persistência e Determinação

Desenvolvido com o apoio dos Agentes Socioeducativos e o Setor de Psicologia da Unidade, o projeto objetiva fortalecer o vínculo entre os adolescentes e a equipe (Agentes Socioeducativos e Equipe Técnica), proporcionando aos reeducandos apoio, lazer e reflexão, na tentativa de minimizar danos ao Processo Socioeducativo e consequências negativas como evasão, motins entre outros conflitos negativos.

Estimula analogias e reflexões a respeito das escolhas, metas e objetivos dos reeducandos, trabalhando de forma menos subjetiva e mais concreta a necessidade de metas e processo de execução, além de exercitar corpo e mente. Além disso, desenvolve senso de pertencimento e vínculo com a Unidade e Equipe como um todo, desmistificando a figura do Agente Socioeducativo e o distanciamento entre Técnicos e Agentes.

       Ainda, o projeto disponibiliza o acesso a diferentes atividades esportivas, promovendo interação, trabalhando flexibilidade emocional e tolerância à frustração, estimulando a determinação, promovendo a manutenção de foco e autoestima diante da realização da atividade. Até por ser um esporte de “desafios” e que envolve adrenalina e espírito aventureiro, o projeto é compatível com a fase de desenvolvimento da adolescência.

CSL Lages 3

 

Projeto Educação, Promoção e Prevenção à Saúde

Com o apoio do Setor de Enfermagem, tem como objetivo promover ações educativas, conscientizando a equipe da Unidade e os reeducandos, através de conhecimento que possa contribuir na prevenção de enfermidades e na manutenção da saúde do homem/adolescente.

São ações mensais realizadas através de palestras e atividades práticas, com o foco na saúde e bem estar de caráter profilático e de prevenção.  

CSL Lages 10

 

Projeto “Admirável Mundo Novo”

Projeto realizado desde o ano de 2018, em parceria com a Biblioteca Municipal Carlos Dorval Macedo e Unidades 01 e 02 do SESC de Lages. Atualmente e em caráter excepcional devido à pandemia, está sendo executado dentro da Unidade Semiliberdade de Lages.

CSL Lages 5 copyEsta ação é desenvolvida em dois momentos, sendo o primeiro responsável por trabalhar e estimular as habilidades sociais e oferecer acesso a novos comportamentos ou possibilidades, diante da visita a estes espaços públicos promovendo cidadania, direito e responsabilidade, tanto com o bem público “livro” como com o espaço público e equipe de colaboradores. O recurso técnico de “modelagem” através das visitas acompanhadas pela técnica coordenadora do projeto atua como modelagem e treino das habilidades sociais.

O segundo momento ocorre dentro da Unidade e sofreu algumas adaptações, em razão da pandemia, como a entrega dos livros aos reeducandos somente após o processo de desinfecção, respeitando todos os protocolos de desinfecção, evitando a propagação do vírus. Este segundo momento contempla incentivar a autonomia, desenvolver imaginação e pensamento crítico, incitar o conhecimento, estimular o hábito da leitura e atualmente como uma terapia devido à situação de isolamento social.

 

Projeto Plantas Ornamentais

O Projeto tem por objetivo desenvolver práticas de manejo para cultivo sustentável dessas espécies, tendo em vista a ocupação de espaços reduzidos e a possibilidade de retorno econômico significativo que pode ser utilizado na renda familiar.

Inclui a confecção e ornamentação dos vasos e o cultivo das suculentas. O processo de fabricação e ornamentação dos vasos envolve o processo de criatividade dos adolescentes durante a confecção e estilização dos vasos.

             Além disso, o projeto visa a auto sustentabilidade; a venda - taxa simbólica - destes vasos ornamentados com as mudas, visam a compra de material para a confecção dos mesmos.        

CSL Lages 6 copy

 

Espiritualização – Parceria com a Pastoral Carcerária e Comunidade Evangélica

Objetiva promover o acesso à espiritualidade. Atualmente esses momentos ocorrem semanalmente, de forma virtual.

CLS Lages 11

 

Iniciação ao mercado de trabalho

O Projeto que ocorre a cada semestre é dividido em módulos, ministrados e organizados pelo Centro de Integração Empresa Escola de Lages – CIEE, desde 2010.

             Os módulos, que em razão da pandemia estão ocorrendo na modalidade online, trabalham tópicos como preparação para entrevista de emprego, desenvoltura, confecção de currículo, trabalho em equipe, entre outros. O curso possui certificação reconhecida.

CSL Lages 4 copy

 

Oficinas Projetos Interligados – ACASEF

O Projeto é desenvolvido em parceria com a Associação Catarinense de Apoio Social e Educacional à Família – ACASEF, desde 2018. Realizado de forma presencial dentro Unidade, neste período de pandemia passou a ser realizada na modalidade virtual.

São oficinas quinzenais com certificação por módulos, com temas como planejamento familiar, prevenção e tratamento às DSTs e saúde do homem no geral, iniciação ao mercado de trabalho, Bulling, prevenção à violência (doméstica, física, psicológica, patrimonial entre outras), prevenção ao suicídio entre outros temas relevantes.

O objetivo dos módulos é abordar temas sociais polêmicos e pessoais no âmbito biopsicossocial. A equipe palestrante é composta por psicólogo, assistente social, enfermeira e terapeuta ocupacional, que realizam o mesmo projeto nas Escolas Municipais e Estaduais, entre outras Instituições que tem como público os adolescentes.  

CSL Lages 15

 

Atividades Livres

Incentivam o desenvolvimento do potencial lúdico e criativo dos adolescentes através do uso de seus talentos, despertando a autoestima e a valorização pessoal através de atividades recreativas e laborais.

São atividades organizadas para serem realizadas nos intervalos dos demais projetos supracitados, com temas e oficinas conforme a demanda do processo socioeducativo dos adolescentes e as necessidades da Unidade e da equipe.

CSL Lages 13

 

O Centro Socioeducativo Regional de São José, juntamente com o agente Mauro César Cardoso Silveira, elaborou um projeto inovador que agrega a prática do esporte na modalidade Tênis na Instituição, uma aposta da Gerência da Unidade para fortalecer ainda mais o preceito legal de ressocialização dos internos, tendo como maior mérito a inclusão social dos adolescentes privados de liberdade.

A missão do projeto é proporcionar aos adolescentes que cumprem medida socioeducativa, a realização de programas na modalidade esportiva, despertando nos jovens o interesse pelo esporte, aliado à garantia de inclusão social. O objetivo é fazer com que a medida socioeducativa de internação seja entendida e aceita não como punição pelos jovens, mas sim, como um período de reflexão, onde o esporte irá mostrar-lhes o quão valoroso é ser um jovem, com valores morais e sociais perene, pois através do esporte desenvolverão o espírito solidário, humanitário e respeito ao próximo. É sabido que o esporte proporciona a integração responsável e muda o destino de milhares de vidas, hoje inclusive, de profissionais de renome.

Busca-se com este projeto esportivo de Tênis, transformar o tempo ocioso em convívio harmonioso, produtivo e de espírito esportivo. O agente idealizador Mauro Silveira buscou os materiais necessários e através do Instituto Guga Kuerten, na pessoa do Sr. Perseu que demonstrou credibilidade no projeto, doando à Unidade materiais de Tênis, bolas de futebol, voleibol, frescobol, entre outros, para que estes materiais, além do tênis possam ser utilizados por estes jovens na instituição.

Contou também com o apoio da Federação Catarinense de Tênis, através da Sra. Andréia, que fez a doação de rede de Tênis, bolinhas e raquetes, bem como do Lira Tênis Clube, que através da atual gestão fez a doação de bolinhas de Tênis. Pessoas e entidades que reconhecem a importância do esporte na vida dos jovens.

A união de esforços e dedicação dos servidores da Unidade CSR de São José e da sociedade materializam os Princípios e Diretrizes preconizados na Constituição da República Federativa do Brasil, no Estatuto da Criança e do Adolescente, no Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo – SINASE e demais Legislações correlatas.

Organização e execução do projeto: Mauro César Cardoso Silveira (Agente de Segurança Socioeducativo)

“Quem não se movimenta não sente as correntes que o prendem” (Rosa Luxemburgo).

 

1602272409715134 copy

Nesta quarta-feira dia 07 de outubro o Case de Joinville finalizou a instalação do scanner corporal, equipamento que garante mais segurança à unidade e conforto para os familiares que visitam os adolescentes que estão cumprindo medida socioeducativa.

Fotos Joinville scanner

O scanner corporal é um equipamento que trabalha com a geração de imagens do corpo em alta definição, de forma rápida e segura, auxiliando nos procedimentos de ingresso de visitantes, entrada de alimentos e objetos aos adolescentes que cumprem medida de internação nos Centros Socioeducativos de Santa Catarina.

O equipamento oferece uma tecnologia que evita os constrangimentos da revista manual, possibilitando aos familiares não se sentirem constrangidos, pois se trata de um método menos invasivo, sem que haja a necessidade de contato físico durante a inspeção. As revistas e inspeções serão conduzidas respeitando-se a inerente dignidade da pessoa e privacidade do indivíduo, assim como os princípios da legalidade, necessidade e proporcionalidade.

As práticas de revista usando o scanner corporal tornam o procedimento mais humanizado, evitando situações vexatórias e prezando pela segurança da comunidade socioeducativa.

Além do Case de Joinville, as Unidades de Chapecó, Criciúma e São José já possuem o equipamento instalado e as Unidades de Lages e Itajaí estarão recebendo ainda neste mês de outubro.

Todos os operadores estão treinados ou sendo treinados e o equipamento pronto para entrar em funcionamento.

Além da implantação do scanner corporal, algumas reformas estruturais vêm sendo realizadas nos últimos meses no Case de Joinville. Tais melhorias fizeram com que o Juiz Corregedor da Unidade autorizasse o aumento da capacidade de atendimento, passando de 41 para 50 vagas.

DEASE - Departamento de Administração Socioeducativa

Rua Fúlvio Aducci, 1214 – 2º Andar – Estreito
Florianópolis - SC - CEP 88.075-000 - Fone: (48) 3664-5800
Horário de Atendimento: 12h às 19h
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com