CALENDARIO MÊS DE NOVEMBRO

14/11 - Dia Mundial do Diabetes

16/11 - Dia Nacional dos Ostomizados

17/11 - Dia Mundial da Prematuridade

21/11 - Dia Nacional da Homeopatia

  

NOVEMBRO AZUL – Saúde do Homem

Novembro azul

A campanha mundial do Novembro Azul procura conscientizar os homens sobre os cuidados com a saúde, especialmente na prevenção do câncer de próstata, um dos mais frequentes entre os brasileiros. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil (atrás do câncer de pele não-melanoma). O total estimado de novos casos de câncer de próstata é de 65.840 (dados de 2020), que corresponde a 29,2% dos tumores incidentes no sexo masculino. Em valores absolutos e considerando ambos os sexos, é o segundo tipo mais comum. O Atlas de Mortalidade por Câncer, também produzido pelo INCA, aponta 15.983 mortes por câncer de próstata, em 2019. Podemos destacar dois exames com importante papel para o diagnóstico da doença: o exame de sangue, por meio do Antígeno Prostático Específico (PSA), e o exame de toque retal, ambos cobertos pelos planos de saúde.

De acordo com o Ministério da Saúde, o câncer de próstata, inicialmente, pode não apresentar sintomas. Mas quando ele se manifesta, os sinais mais comuns são:

- Dificuldade de urinar;       

- Demora em começar e terminar de urinar;

- Sangue na urina;

- Diminuição do jato de urina; e

- Necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite.

Na presença de sinais e sintomas, recomenda-se procurar uma unidade médica para realizar exames com um médico especialista.

O diagnóstico precoce do câncer de próstata é fundamental para maior chance de recuperação. Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para conversar sobre o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos e sobre o exame de sangue PSA. Outros exames poderão ser solicitados se houver suspeita de câncer, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

De acordo com o INCA, uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer, como também de outras doenças crônicas não transmissíveis. Nesse sentido, outros hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer no mínimo 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, identificar e tratar adequadamente a hipertensão, diabetes e problemas de colesterol, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

Vale ressaltar que além do câncer de próstata as principais causas de mortalidade da população masculina são:

- Causas externas de morbidade e mortalidade;

- Doenças do aparelho circulatório;

- Neoplasias (tumores);

- Doenças do aparelho digestivo; e

- Algumas doenças infecciosas e parasitárias.

Por isso não perca tempo e deixe o preconceito de lado. Se você já estiver na faixa recomendada para a realização do exame procure um urologista e converse sobre o tema. A detecção e o tratamento precoces podem salvar vidas.

Por que os homens adoecem

 

DIA MUNDIAL DO DIABETES

Comemorado desde o dia 14 de novembro de 1991, data de aniversário de Sir Frederick Banting, co-descobridor da insulina, juntamente com Charles Best, a data foi escolhida pela Federação Internacional de Diabetes junto à Organização Mundial de Saúde para conscientizar o mundo sobre o reflexo do diabetes na saúde e mortalidade da população. Para as campanhas dos anos de 2021 a 2023 o tema adotado é “Acesso aos Cuidados da Diabetes”.

Dia mundial do diabetes

Mundialmente estima-se que 537 milhões de pessoas vivam com Diabetes, sendo a maioria desses casos a Diabetes Tipo 2, que é amplamente evitável por meio de atividade física regular, uma dieta saudável e equilibrada e a promoção de hábitos saudáveis.  Assim, as famílias têm um papel fundamental a desempenhar na abordagem dos fatores de risco modificáveis para essa doença e devem receber educação, recursos e hábitos para ter um estilo de vida saudável.

 

DIA NACIONAL DOS OSTOMIZADOS

Ostomia ou estomia é um procedimento realizado com o objetivo de construir um novo caminho para a eliminação de urina e fezes. Várias condições de saúde exigem uma cirurgia para a realização de estomas, tais como, doenças crônico-degenerativas, entre elas o câncer, Doença de Chagas, doenças inflamatórias (Retocolite Ulcerativa Inespecífica e Doença de Crohn), malformações congênitas (ânus imperfurado, mielomeningocele), traumas abdominoperineais (ferimento por armas de fogo ou brancas, acidente automobilístico e outros), doenças neurológicas, entre outras. Ela pode ocorrer nas diferentes faixas etárias, desde neonatos até idosos.

As estomias podem ser temporárias, que após um tempo pré-determinado serão fechadas por meio de nova intervenção cirúrgica ou definitivas, quando a pessoa conviverá com ela durante sua vida.

Ostomizados

A designação do tipo de estomia é definida pelo tipo de órgão ou víscera que será exposto: colostomia (cólon), ileostomia (íleo), gastrostomia (estômago), nefrostomia (rim), ureterostomia (ureter), vesicostomia (bexiga), cistostomia (bexiga com uso de cateter) ou traqueostomia (traquéia), entre outras. A função da estomia varia de acordo com o tipo de órgão ou víscera exposta, podendo ser para eliminação (intestinais e urinárias), respiração (traqueostomia) ou alimentação (gastrostomia), por exemplo.

Independentemente de suas características, a realização do estoma é sempre um acontecimento traumático, uma vez que o estoma acarreta mudanças que repercutirão em todos os níveis da vida da pessoa, tais como: necessidade de realização do autocuidado com o estoma, aquisição de material apropriado para a contenção das fezes ou urina, adequação alimentar, convivência com a perda do controle da continência intestinal ou vesical, eliminação dos odores, alteração da imagem corporal, alterações nas atividades sociais, sexuais e, inclusive, nas cotidianas.

Tipos de estomia

 

DIA MUNDIAL DA PREMATURIDADE

O Dia Mundial da Prematuridade é comemorado, desde 2008, no dia 17 de novembro e tornou-se um movimento intercontinental no qual inúmeros indivíduos e organizações de mais de 100 países unem forças com atividades, eventos especiais e se comprometem com a ação para ajudar a abordar a questão do nascimento prematuro e melhorar a situação dos bebês e de suas famílias.

É preciso chamar a atenção da população, dos governantes, dos gestores públicos, celebridades e influenciadores para a importância do tema, refletir sobre a qualidade do atendimento oferecido aos prematuros e às suas famílias e clamar por políticas públicas de prevenção, humanização do cuidado e por tratamentos adequados e de alcance igualitário.

O Brasil é campeão em cirurgias cesáreas, boa parte agendadas sem indicação clínica, o que pode acarretar prematuridade. Segundo dados divulgados pela Aliança Nacional para o Parto Seguro e Respeitoso, o Brasil registrou 300 mil nascimentos prematuros em 2019, sendo o 10º país no ranking mundial de prematuridade. Cabe destacar também que 11,7% dos partos ocorrem antes das 37 semanas de gestação no país. A Aliança reúne em torno de 52 entidades, incluindo a ANS, dispostas a atuar em prol da redução da mortalidade materna e neonatal e da garantia de direitos básicos para o parto e para o nascimento seguro no país.

O bebê que nasce com menos de 37 semanas de gestação (36 semanas e 6 dias) é considerado prematuro, ou pré-termo. No Brasil, o nascimento de bebês prematuros corresponde a 12,4% dos nascidos vivos, de acordo com dados do Sistema de Informações Sobre Nascidos Vivos (Sinasc) e do Ministério da Saúde.

A prematuridade aumenta a chance de internações dos bebês em UTI, pois é na fase final da gestação que o sistema cardiorrespiratório amadurece. Sendo assim, bebês prematuros perdem a oportunidade de estarem mais preparados para lidar com a adaptação à vida fora do útero. Além disso, podem desenvolver outros problemas, tais como, asma e alergias.

A prevenção da prematuridade se inicia antes mesmo da gestação, com o planejamento familiar adequado, seguido do acompanhamento pré-natal, que busca assegurar o desenvolvimento da gestação, permitindo o parto de um recém-nascido saudável, sem impacto para a saúde materna, inclusive abordando aspectos psicossociais e atividades educativas e preventivas.

Prematuridade

 

DIA NACIONAL DE COMBATE À TUBERCULOSE

A tuberculose é uma doença infectocontagiosa que afeta principalmente os pulmões, mas também pode acometer órgãos como ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro).

A data foi criada em 1982 pela OMS - Organização Mundial da Saúde em homenagem aos 100 anos do anúncio do descobrimento do bacilo causador da tuberculose. Segundo estimativas da OMS, um terço da população mundial está infectada pelo Mycobacterium tuberculosis e em risco de desenvolver a doença. Há cerca de 8,8 milhões de doentes e 1,1 milhões de mortes por ano no mundo.

O Brasil ocupa o 17º lugar entre os 22 países responsáveis por 82% do total de casos de tuberculose no mundo. Embora seja uma doença passível de ser prevenida, tratada e mesmo curada, ainda mata cerca de 4,7 mil pessoas todos os anos no Brasil. Cada paciente com tuberculose pulmonar que não se trata, pode infectar em média 10 a 15 pessoas por ano. Alguns fatores contribuem para a disseminação da doença, tais como a pobreza e má distribuição de renda, a AIDS, a desnutrição, as más condições sanitárias e a alta densidade populacional.

Tuberculose

Alguns pacientes, entretanto, não exibem nenhum indício da doença, enquanto outros apresentam sintomas aparentemente simples, que não são percebidos durante alguns meses. Pode ser confundida com uma gripe, por exemplo, e evoluir durante 3 a 4 meses sem que a pessoa infectada saiba, ao mesmo tempo em que transmite a doença para outras pessoas. A transmissão da tuberculose é direta, de pessoa a pessoa. O doente expele, ao falar, espirrar ou tossir, pequenas gotículas de saliva que podem ser aspiradas por outro indivíduo.

Prevenção e tratamento:

A vacina BCG é obrigatória para menores de um ano, pois protege as crianças contra as formas mais graves da doença. A melhor forma de prevenir a transmissão da doença é fazer o diagnóstico precoce e iniciar o tratamento adequado o mais rápido possível. Com 15 dias após iniciado o tratamento, a pessoa já não transmite mais a doença. O tratamento deve ser feito por um período mínimo de 6 meses, diariamente e sem nenhuma interrupção. O tratamento só termina quando o médico confirmar a cura total do paciente.

 

DIA NACIONAL DA HOMEOPATIA

O Dia Nacional da Homeopatia foi oficialmente instituído em homenagem à data de chegada ao Brasil do homeopata francês Dr. Benoit Jules Mure (1809-1858), ocorrida em 21 de novembro de 1840.

Homeopatia

Todos os seres vivos apresentam uma espécie de força organizadora que ajuda a manter os vários tipos de organismo em estado mais ou menos saudável. A perturbação desta unidade organizada pode ser a primeira etapa de uma enfermidade. Podemos chamar de energia vital, mas podemos também chamá-la de força que mantém nossa saúde em dia.

Considerando-se que cada indivíduo tem a sua “energia vital” ou a sua “força de saúde” e cada um tem seu órgão de choque específico, além de uma maneira própria de adoecer, pode-se afirmar que ele tenha, também, seu medicamento homeopático específico. Não para a doença, mas para todo seu corpo e todos os seus sintomas. Este medicamento pode devolver sua saúde, melhorando muito seu mal estar e aqueles sintomas fisiológicos, isto é, aqueles que mudaram para pior o funcionamento do seu corpo.

Os medicamentos homeopáticos são produzidos em farmácias de manipulação e têm como matéria-prima ervas naturais ou mesmo raízes, minerais, animais, entre outras fontes provenientes da natureza.

A ingestão de medicamentos homeopáticos depende sempre do estado clínico do paciente e, por isso, não devem ser tomados ou ter suas doses repetidas sem o conhecimento e a prescrição do profissional homeopata.

Presente no SUS desde 2006, a homeopatia foi inserida no sistema público de saúde brasileiro por meio da Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares do SUS.

O acesso é feito a partir dos serviços de saúde, tanto em unidades básicas como em serviços especializados e, até mesmo em hospitais, de acordo a organização dos serviços em cada município.

Fontes: Ministério da Saúde e Associação Brasileira de Estomaterapia.

Foto capa copy

O Casep de São José do Cedro reinaugurou, neste mês de junho, a quadra de esportes da Unidade. A reforma consistiu na cobertura de uma parte da quadra, na pintura interna e colocação da grama sintética.

Com o empenho da equipe do Casep, foi elaborado um projeto social e apresentado junto ao Fórum do município de Dionísio Cerqueira. O projeto foi aprovado e um recurso financeiro, advindo de penas pecuniárias, foi liberado para a reforma da quadra.

Com a revitalização da quadra sintética e do telhado, os adolescentes podem realizar atividades esportivas com mais qualidade e diversidade, inclusive nos dias de chuva. A quadra será utilizada para realizar projetos ligados à ressocialização como futebol, beisebol, badminton, tênis e treinamento funcional.

A importância da prática de esportes para a saúde física e mental é indiscutível. Os benefícios vão desde o bem-estar, redução do estresse, melhora da concentração e condicionamento físico, dentre outros.

O objetivo da proposta é provocar mudanças na vida dos jovens, proporcionando condições adequadas para seu crescimento, preparando-os para uma vida adulta de hábitos saudáveis.

Foto Quadra

Fonacriad junho 2022

De 20 a 22 de junho de 2022 acontece a Segunda Reunião Técnica do Fórum Nacional de Dirigentes Governamentais de Entidades Executores de Promoção e Direitos da Criança e do Adolescente – Fonacriad, em Fortaleza, no Estado do Ceará. A reunião foi aberta na manhã desta segunda-feira, 20, no auditório da Vice-Governadoria do Ceará, contando com representantes de 21 estados, que participam das discussões que visam o fortalecimento do sistema socioeducativo no Brasil.

Representando o Sistema Socioeducativo de Santa Catarina, participam do evento o Diretor-Geral do Dease, Zeno Augusto Tressoldi, a Superintendente de Educação e Profissionalização, Mara Rubia Morigi e a Superintendente Psicossocial e Saúde, Cristiane Eller.

O superintendente do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo do Ceará (Seas), Roberto Bassan, deu as boas vindas a todos os representantes do Fórum.

“É uma ansiedade muito grande com a chegada dessa data. Nós nos esforçamos muito, e aqui eu queria em nome da minha equipe agradecer a todos pelo empenho e dedicação na organização desse encontro. Sejam bem vindos”, mencionou Bassan.

Em sua fala, o superintendente da Seas ressaltou que o Governo do Estado priorizou nessa gestão o sistema socioeducativo, com resultados muito objetivos.

“Nós somos uma das políticas de governo que cumpriu todas as metas do Pacto de Acordo de Resultados, que é uma métrica que mensura a atuação do Governo pela Secretaria de Planejamento. A gente continua nessa linha pra ser realmente um divisor de águas e não voltar a um cenário de violação de direitos”, pontuou.

 

Evolução das pautas

O presidente do Fonacriad, Iberê Ferreira da Silva Júnior, disse que o estado do Ceará está bastante evoluído com a adoção de políticas pedagógicas e proteção especial aos jovens em cumprimento de medidas socioeducativas. “Roberto Bassan e toda a sua equipe estão de parabéns”, elogiou.

Já a coordenadora-geral do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), Giselle da Silva Cyrillo, afirmou que o Fonacriad está num ritmo constante para a qualificação do sistema socioeducativo no Brasil. “Estamos evoluindo nas pautas importantes quando vemos aqui reunidos gestores, servidores, representantes do Sistema de Justiça e Garantia de Direitos”, afirmou.

Para o Presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda), Diego Bezerra Alves, o sistema socioeducativo só terá sucesso com amplo diálogo e participação social nas políticas de socioeducação. “O estado do Ceará está no caminho certo por sua atuação efetiva”, concluiu.

 

Dança e música

Antes da abertura dos trabalhos do Fonacriad, as adolescentes do Centro Socioeducativo Aldacir Barbosa fizeram apresentações de dança, com músicas nordestinas que representam cultura e a arte popular. No comando a professora Jamila Dias, coreógrafa. No final, as jovens foram bastante aplaudidas pelos participantes.

O Fonacriad prossegue na terça-feira, 21, com relatos dos estados, discussão e aprovação do estatuto do Fonacriad. Na quarta-feira, 22, haverá apresentação dos relatórios de discussão dos grupos de trabalho e aprovação da Carta do Fonacriad. À tarde, os participantes visitarão as instalações do Núcleo de Atendimento Integrado da Criança e do Adolescente (NAI).

Fonacriad junho 2022 1

DEASE - Departamento de Administração Socioeducativa

Rua Fúlvio Aducci, 1214 – 2º Andar – Estreito
Florianópolis - SC - CEP 88.075-000 - Fone: (48) 3664-5800
Horário de Atendimento: 12h às 19h
JSN Boot template designed by JoomlaShine.com